24 fevereiro 2008

Educação Inclusiva e Tecnologia

 Curso DOSVOX O Núcleo de Tecnologia Educacional de Criciúma tem como objetivo ministrar cursos de formação continuada para o uso pedagógico das tecnologias e assessorar os professores em suas atividades de aprendizagem.Temos como meta criar a cultura do uso das tecnologias no âmbito escolar, visando o atendimento de alunos do ensino regular e alunos com necessidades especiais. Assim, rompendo com o paradigma da exclusão escolar no âmbito das deficiências marcadamente neste terceiro milênio.A Educação Especial é parte integrante do sistema educacional brasileiro, constituindo-se como uma modalidade de atendimento que se destina às necessidades educacionais das pessoas portadoras de necessidades educativas especiais. A escola tem como uma das funções a integração de sua clientela. Esta clientela, ao contrário do que se pensa, é constituída de crianças e jovens com necessidades diversas: crianças ouvintes, não ouvintes, cegas, cadeirantes e outros mais. Diante de tanta diversidade é necessário adequar a escola para suprir estas diferenças.
Os professores mantêm um
relacionamento mais próximo com as crianças cegas e baixa visão e esmeram-se em contribuir para diminuir a distância entre os ditos incluídos e os ditos excluídos, mas sentem-se muitas vezes frustrados com suas limitações.
A Educação Especial e a Educação Regular possuem princípios político-filosóficos e se diferem em suas estratégias de ação, que são variadas devido à diversidade de características da população a que se destinam. No entanto, é notório que toda essa estrutura não basta. Para que o educando seja atendido na sua totalidade, faz-se necessário a constante atualização dos recursos didático-pedagógicos e das metodologias de ensino como possibilidade de superação das várias dificuldades apresentadas por esses alunos.
A educação inclusiva tem sido um desafio para este Núcleo de Tecnologia e a motivação está na consciência da inclusão como um todo, na paixão por esta interação com alunos com alguma dificuldade. Para que possam sentir-se seguros, dignos e exercerem sua cidadania.
O Núcleo de Tecnologia
Educacional de Criciúma – NTE, vem trabalhando com a Escola Pólo EEF São Cristóvão, que atende alunos surdos, cegos, com baixa visão, ouvintes e sem dificuldades visuais. Assessoramos os professores e alunos nessa diversidade. Assim, como já trabalhávamos com os alunos surdos, buscamos conhecimento e em parceria com os professores, elaboramos o projeto de capacitação e envolvemos os professores das demais escolas que trabalham com alunos cegos e baixa visão. A proposta foi bem aceita e está transcorrendo na maior empolgação e responsabilidade.Assim, o projeto “Apresentação e Utilização do Software Dosvox para Professores do Serviço de Atendimento Educacional Especializado - SAEDE/DV – Deficientes Visuais”, bem como a assessoria a estes professores e seus alunos é um desafio e é inovador no sentido de estarmos abrindo frente para outras iniciativas e principalmente pela autonomia e respeito ao ser humano com dificuldades visuais. Este indivíduo que é parte integrante desta sociedade e que não pode ser excluído deste contexto e que através deste recurso pode ampliar o conhecimento socialmente construído e exercer a sua cidadania.
Participam neste projeto os professores multiplicadores Elisabete Régis, Jacira Medeiros e Maria Margarete Olímpio Ugione e professores da EEF São Cristóvão, CEJA e BBB Humberto Hermes Hoffmann. O principal objetivo do projeto é promover a formação dos educadores, qualificando-os para o atendimento às necessidades educacionais específicas de alunos cegos e com baixa visão, através do software DOSVOX e de recursos tecnológicos disponibilizados de forma interativa pela Internet.“O DOSVOX é um sistema para microcomputadores da linha PC que se comunica com o usuário através de síntese de voz”, estabelecendo um diálogo em Português podendo ser configurado para outros idiomas. Assim, oportunizando um nível de independência no estudo e no trabalho. “Ele é compatível com a maior parte dos sintetizadores de voz existentes, pois usa a interface padronizada SAPI do Windows. Isso garante que o usuário possa adquirir no mercado os sistemas de síntese de fala mais modernos e mais próximos à voz humana, os quais emprestarão ao DOSVOX uma excelente qualidadede leitura”.
Para o Sistema Operacional Linux existe um compatível denominado Linosvox, disponível na Internet, através do baixaqui.
A educação inclusiva tem sido um desafio para este Núcleo de Tecnologia e a motivação está na consciência da inclusão como um todo, na paixão por esta interação com alunos com alguma dificuldade. Para que possam sentir-se seguros, dignos e exercerem sua cidadania.
Acesse o flog do NTE de Criciúma e conheça o flog dosvox, entre outros: http://www.ntecriciumasc.myflog.com.br/. Acompanhe nosso trabalho. Estamos com planos de ampliar este projeto e ministrar curso on-line utilizando o DOSVOX.Bibliografia: Felipe, Tanya A. Libras em Contexto: curso básico, livro do estudante cursista/ Tanya A. Felipe - Brasília: Programa Nacional de Apoio à Educação dos Surdos, MEC; SEESP, 2001.INCLUSÃO Digital para fazer Inclusão Social – Editado pela Secretaria de Comunicação de Governo e Gestão Estratégica da Presidência da República. Nº 205- Brasília, 01 de julho de 2004. Disponível: SKLIAR, Carlos (org.). Educação e exclusão. Abordagens sócio-antropológicas em educação especial. Porto Alegre: Mediação, 1997.
http://intervox.nce.ufrj.br/dosvox/intro.htm
http://www.eafmuz.gov.br/modules/documentos_dos_vox.pdf

Texto original
Elisabete Régis
Professora Multiplicadora do NTE de Cricíuma

Texto extraido do Boletim Informativo "Cultura na Rede" em Programas e projetos no site:
http://www.sed.sc.gov.br/

6 comentários:

Cristiana Passinato disse...

Que muitos sigam esse mesmo caminho!
Um abraço,
Cris

Culturanarede disse...

Obrigado Cris!
CulturanaRede agradece sua visita!
Abços
Luiz

Profe Elis disse...

Olá Luiz. No blog do Sérgio Amadeu
tem um post falando sobre um novo software: o ORCA, um software livre leitor de tela para usuários cegos. Se quiser conhecer melhor...

http://samadeu.blogspot.com/2007/12/orca-software-livre-para-incluso-dos.html

Abraço.

Culturanarede disse...

Valeu pela dica Elis!
Abços
Luiz

Leda disse...

Oi pessoal da Cultura, blz?
Sou professora de matamética de alunos surdos do ensino fundamental e estou procurando material sobre essa temática e também sugestão de aplicativos que posam ser utilizados com esse público, se alguém puder me ajudar....
Gracias
Bye Leda

Luiz N.Vieira disse...

Olá Leda!
Que bom que você veio!
Vou te passar um endereço e lá fale com Elis. ela certamente irá te ajudar.
o endereço é:
http://sobreeducacao.blogspot.com/
Ab[] Luiz